Frentes de atuação

O Grupo de Sensoriamento Remoto e Tecnologia de Informação Espacial para o Monitoramento Ambiental (SERTIE) representa uma das áreas de pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Ciências Cartográficas da UNESP (PPGCC). Neste portal você entrará informações detalhadas sobre projetos, integrantes, estrutura, laboratórios e outros assuntos relacionados ao nosso grupo.

Assim como o próprio nome do grupo de pesquisa indica, a principal temática abordada pelo SERTIE é o Monitoramento Ambiental por Sensoriamento Remoto. Este é um foco consolidado no nosso grupo de pesquisa e vem sendo fortemente trabalhado pelos professores pesquisados, juntamente com pesquisadores pós-doutorandos, doutorandos e mestrandos do PPGCC.

Todos os projetos de atuação de nosso grupo de pesquisa são multidisciplinares e integram alunos e colaboradores de diferentes áreas do conhecimento, tais como: Ciência da Computação; Engenharia Ambiental; Engenharia Cartográfica; Estatística; Geografia; Matemática; entre outros. Atualmente, o grupo SERTIE possui frentes de atuação em cenários de estudos de ambientes aquáticos, sistemas agrícolas e florestas naturais, entre outros, todos baseados em dados de sensoriamento remoto.

O tema de nossas pesquisas é o sensoriamento remoto, que se trata da aquisição de informações sobre os diferentes objetos (alvos) da superfície terrestre, a partir do registro da radiação eletromagnética refletida por esses alvos. Quem registra esse sinal de retorno são sistemas sensores instalados em plataformas aéreas (e VANTs, mais recentemente) ou satélites, que produzem uma imagem da área observada, ou espectrorradiômetros terrestres ou subaquáticos, que geram a curva espectral usada para caracterizar e distinguir os materiais que estão dentro do campo de visada desse sensor.

A inserção do nosso grupo de pesquisa em um contexto multidisciplinar confere aspectos de impacto social aos nossos projetos que apresentam contribuições práticas importantes, como a possibilidade de identificar, mapear e monitorar condições críticas que são relevantes para as mais diversas áreas do conhecimento:

  • Em uma cultura agrícola, saber onde estão plantas infectadas por algum tipo de praga é importante no manejo localizado (agricultura de precisão).
  • Monitorar a disponibilidade e qualidade da água em toda extensão de um reservatório (e não em um único ponto de coleta e análise) é importante para especificar os usos da água.
  • Mapear e monitorar a composição de espécies em fragmentos de florestas nativas é essencial acompanhar o processo de sucessão e manutenção da biodiversidade.

Nosso time

Nosso time é formado por docentes pesquisadores, colaboradores e discentes em níveis de graduação (projetos de Iniciação Científica), mestrado e doutorado.

Conheça abaixo alguns membros de nossa equipe

Quer saber mais informações sobre nosso time? Conheça o time completo

Assine nosso boletim

Boletim

Notícias

SERTIE é entrevistado pela TV UNESP

[print str='fabricante'] Neste dia 13 de julho de 2017 o grupo SERTIE participou de matéria realizada pela equipe da TV UNESP. A
Read More
SERTIE é entrevistado pela TV UNESP

Levantamento em Ibitinga e Bariri

O grupo de pesquisa de ambientes aquáticos do SERTIE realizou um levantamento de campo em junho de 2017 no reservatório
Read More
Levantamento em Ibitinga e Bariri

Sensoriamento remoto nos lagos da Cidade da Criança

Na manhã desta quarta-feira (28), os lagos do Parque Ecológico da Cidade da Criança receberam estudantes do Programa de Ciências
Read More
Sensoriamento remoto nos lagos da Cidade da Criança

Entre em contato

Caso tenha qualquer dúvida, entre em contato conosco
 

Visite-nos em nosso endereço de trabalho

Rua Roberto Simonsen, 305
19060-900 - Presidente Prudente, SP, Brasil

 

Ligue para nós

+55 18 3229-5515 (Nilton Imai)
+55 18 3229-5503 (Maria de Lourdes)
Seg - Sex, 8:00-18:00

Contate-nos